Fim das COLAS!

Publicado: 02/12/2009 em Uncategorized

A ciência nunca acreditou muito na ideia de que se pode aprender chinês ou francês através de aulas em CD durante o sono.


Se o aprendizado acontece dessa forma, a aula de língua estrangeira provavelmente está acordando o sonhador, e não levando os substantivos e verbos a entrarem em uma mente adormecida.


No entanto, um novo estudo sobre um tipo diferente de abordagem de áudio durante o sono traz esclarecimentos sobre como o cérebro adormecido funciona, e talvez possam acabar sendo úteis para pessoas que estudam língua estrangeira, estão se preparando para uma prova ou tentando memorizar falas de uma peça de teatro.


Cientistas da Northwestern University relataram que tocar sons específicos enquanto as pessoas dormiam as ajudava a se lembrar mais do que tinham aprendido antes de dormir, até o ponto onde memórias de fatos individuais eram aprimoradas.


Em um estudo publicado pela Science, pesquisadores ensinaram as pessoas a mover 50 imagens para sua localização correta em uma tela de computador. Cada imagem era acompanhada por um som relacionado, como o miado de um gato ou o barulho de um helicóptero.


Então, 12 participantes tiraram um cochilo, durante o qual 25 dos sons foram tocados, junto com um barulho de fundo. Quando os participantes acordaram, nenhum deles percebeu que os sons tinham sido tocados, nem sabiam dizer quais tinham sido usados. Mesmo assim, quase todos se lembraram, de uma forma mais precisa, das localizações no computador das imagens associadas aos 25 sons que tinham sido tocados durante seu sono; o desempenho foi inferior com as outras 25 imagens.


Os autores afirmaram estar interessados em saber por quanto tempo o aprimoramento da memória ficaria retido após o despertar, e se “esse tipo de coisa acontece com o sono noturno”, disse John D. Rudoy, co-autor e doutorando da Northwestern.


Outros especialistas disseram que a principal contribuição do estudo era ajudar a entender o processo de produção e reforço da memória no cérebro; ou, como colocou Walker, “como é importante dormir oito boas horas de sono”.


“Uma de nossas hipóteses é que as notas do SAT (avaliação exigida para entrar em curso superior nos Estados Unidos) podem ser melhoradas”, disse ele. Pode ajudar “um jogador de futebol que está tentando aprender estratégias de jogo”, acrescentou Paller. “Até ajudar a lembrar o nome das pessoas


Com novas tecnologias do próprio corpo, podemos desempenhar melhor rendimento em aulas e provas e, quem sabe assim, professores não ficarão menos preocupados com colas de alunos?!


Fontes:

http://noticias.uol.com.br/ultnot/cienciaesaude/ultnot/2009/11/30/sons-durante-o-sono-podem-ajudar-a-consolidar-memoria-afirma-estudo.jhtm

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s